top of page
  • Foto do escritorIBMA

KEITH COTE E MARCOS AMADO

O avivamento espiritual é uma manifestação divina que ocorre quando uma igreja, que antes estava com pouco envolvimento com o Espírito, é despertada por Deus. Ele começa a mover as pessoas, a encher seus corações e tudo se transforma dentro da comunidade, que passa a ter um profundo desejo de espalhar o evangelho. O avivamento também se manifesta no mover do Espírito trazendo salvação. Em sua essência, é tudo sobre Deus agindo através de nós.


Precisamos buscar avivamentos tanto individualmente quanto em comunidade, e estes devem ser expansivos. Quando somos avivados, nossos corações são despertados para a ação. Porém, também precisamos aprender a esperar no tempo de Deus. Devemos ter um despertamento pessoal, concentrar-nos no avivamento individual e ser uma igreja que inspira e constrói sonhos, não os destrói. Igrejas saudáveis constroem sonhos. Devemos ser pessoas e líderes que encorajam e nutrem sonhos.


A transformação começa com um estudo profundo da Palavra de Deus. Como disse Keith Cote: “O avivamento é sobre Deus, com pessoas comuns, fazendo coisas comuns todos os dias para Deus, e Ele fará o extraordinário”. O avivamento não é sobre números, mas sobre a igreja. Pessoas comuns dão passos de fé e Deus as abençoa.


Marcos Amado expressou uma preocupação válida ao questionar o que está acontecendo com a igreja atualmente, apesar dos muitos movimentos que vemos. Devemos lembrar que não se trata de nós, mas do Reino de Deus. O esforço para ver transformações na vida começa com um estudo profundo da Palavra, aprofundando nossas raízes e abrindo espaço para o agir de Deus.


Apesar das circunstâncias, devemos reconhecer que estamos onde Deus quer que estejamos, como destacou Marcos Amado.

15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page